• Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • Instagram
  • Youtube

quarta-feira, 9 de março de 2016

POR ONDE COMEÇAR? PERGUNTE-ME QUE EU DIGO A VOCÊ!


Você não tem que ser grande para começar, mas você tem que começar, para ser grande.” (Zig Ziglar - escritor, vendedor, e orador motivacional estadounidense).

Entre as escolhas de se tornar ou não um empreendedor da própria vida, ganha quem tem coragem de se conhecer melhor, pois duas datas marcaram fortemente a minha decisão de mudar de carreira: o dia em que cogitei uma mudança, e o meu último dia como funcionário de uma multinacional, e nisso eu passei meses alternando entre momentos de dúvida, certeza, frustração, e sonho…
E porque eu não tinha satisfação no ambiente corporativo? E porque a busca pela minha tão sonhada carreira musical não mais me satisfazia? Bom! Vou explicar pra você, tudo aconteceu quando eu tive contato através da internet com alguns empreendedores que estavam realizando seus grandes sonhos, e muito disso foi o que motivou a minha inquietação. A essa altura já era fato para mim, que eu precisava iniciar uma nova atividade profissional, mas qual? Quando? Por onde começar?
O ponto zero foi o start para a identificação do meu propósito na vida, e o que me motivou foi o que me dirigiu para uma mudança, e essa mudança promoveu uma transformação completa na minha vida através do coaching, da terapia, de muita reflexão e coragem, pois repensei o meu propósito de vida e ressignifiquei novas alternativas profissionais. E quando nós passamos a entender essa motivação, ficamos mais atentos às oportunidades que estão ao nosso redor, e passamos a manter um olhar lá na frente seguido de uma imensa disposição e força de vontade para realizar as missões relacionadas ao nosso propósito de vida.
A partir de então! Passei a ter uma maior clareza do meu propósito de vida, e dei inicio a uma jornada na qual busquei os meus porquês, analisei todos os riscos, avaliei todas as alternativas, construí possibilidades, estudei minhas forças e minhas fraquezas e, principalmente, compartilhei com a minha esposa, toda essa minha transformação interna que logo viria manifestar uma manifestação externa. Então me alimentei do mundo exterior fazendo as perguntas corretas para poder efetivar as melhores escolhas da minha vida, as escolhas que determinariam um novo rumo em minha vida.
E empreender foi a minha grande escolha, e a construção de um plano de ação foi um grande aliado para não me perder no caminho, identificar obstáculos e criar alternativas. Na ausência de um plano, qualquer acontecimento pode servir de desculpas para não seguirmos em frente e o futuro vira nosso tempo verbal preferido.
Todos nós seres humanos, temos uma forte tendência em criar as nossas próprias barreiras, e isso ocorre devido algumas crenças limitantes com as quais fomos programados desde a nossa infância, o que nos leva na maioria das vezes a relutamos em confrontar a nossa realidade; E eu diria também que o nosso ego e a nossa vaidade não permitem que, por um período, sejamos ou tenhamos menos; e depois vem a família e os amigos que sem querer demonstram um excesso de preocupação conosco. E isso surge como uma espécie de apelo para que não sejamos loucos em mudar nossos pensamentos, sentimentos e atitudes; e também outras barreiras relacionadas a recursos, energia, ambiente, etc...
E aí após um pouco mais de um ano, aprendi que nesse jogo não pode haver desculpas como: “depois”, “não posso”, “não sei”, “sozinho” e “sempre foi assim”. Podemos tudo, desde que tenhamos coragem para nos conhecer, disposição para fazer, e sabedoria para sustentar nossas escolhas.
É possível que muitos de vocês prefiram o lema "deixa a vida me levar", não tentarei demover ninguém dessa crença, só convido-os a refletir se é mesmo uma crença ou se é uma reação diante da dificuldade natural de lidar com o tema. Na dúvida, pergunte-se: Qual o meu propósito?



Contact

Get in touch with me


Adress/Street

〒1070062, Aoyama Building, Tokyo-to, Japan,

Phone number

+(81) 080 4323 2406

Website

www.allainrauen.com